fbpx
springwirelessbrasil springtelecomgroup image

springwirelessbrasil springtelecomgroup image

9 motivos para você terceirizar a Gestão de Telecom

Gerir um negócio pode ser muito estressante. São muitas atribuições de controle e monitoramento, sendo que algumas atividades demandam tempo e são extremamente burocráticas, como as que se relacionam ao setor de telefonia e comunicação.
Por isso, existe uma forte tendência em terceirizar a gestão de telecom, com o objetivo de melhorar o foco no core business da empresa, aumentar a efetividade do controle e garantir, principalmente, a redução de custos operacionais.
Entretanto, quando se fala nesse modelo de gestão, muitos sentem-se arredios, já que existem alguns mitos acerca do assunto, como a perda da qualidade dos serviços por falta de mão de obra qualificada.
Apesar de na grande maioria dos casos esse problema não ocorrer, a falta de conhecimento sobre terceirização da gestão de telecom pode inibir resultados corporativos excelentes. Para acabar com esse tipo de preconceito, confira 9 bons motivos para implementar essa estratégia na sua empresa!

1. Poder se dedicar ao core business do negócio

As inúmeras atribuições de um gestor em seu ambiente organizacional já constituem um dos motivos para terceirizar a gestão de telecom. São atividades diárias que sobrecarregam a capacidade de tomada de decisão e devem ser feitas com grande critério para evitar erros e retrabalho.
Preocupar-se com os clientes, lançar novos produtos e gerenciar equipes são apenas alguns exemplos dessas tarefas. Imagine ainda ter que se preocupar com a gestão da telefonia de toda a empresa! Definitivamente, essa não é uma rotina que pode ser bem executada sem o devido preparo ou o uso de ferramentas adequadas.

2. Ter profissionais experts sem precisar contratar

Quando uma companhia especializada trabalha de forma dedicada, o primeiro passo para garantir a qualidade dos serviços prestados é a profissionalização da sua força de trabalho. Por isso, ao contratar uma dessas empresas, é possível garantir uma equipe altamente especializada e acostumada a lidar com as demandas que se propõem a resolver.
Além de melhorar a qualidade dos resultados, a contratante reduz os custos com colaboradores que chegam a gastar horas preciosas de trabalho com a análise das contas de telefonia. Assim, os profissionais que já fazem parte da equipe podem se dedicar a tarefas que realmente geram valor para o negócio.

3. Obter análise detalhada dos gastos

A menos que se tenha um time especializado e dedicado a realizar uma análise das faturas e elaborar um relatório ou um inventário, a empresa nunca conseguirá informações detalhadas sobre seu consumo.
Acontece que essa avaliação envolve o controle de inúmeras linhas telefônicas, algumas delas, inclusive, com particularidades que precisam ser avaliadas criteriosamente por especialistas, por conta de suas especificidades. Sem esse cuidado, muitos detalhes passariam despercebidos.
Ao terceirizar a gestão de telecom, a empresa obtém garantias de que o consumo com telefonia será analisado com a devida atenção por profissionais especializados e, principalmente, com a ajuda de ferramentas adequadas. Assim, se houver algum erro, esse poderá ser corrigido imediatamente, o que evita futuros prejuízos para a organização.

4. Garantir menos sobrecarga para os gestores

Além da vantagem de o gestor se dedicar ao core business da empresa e tomar melhores decisões, terceirizar a gestão de telecom permite a redução das atribuições dessa função, que comumente sobrecarregam a rotina daqueles que deveriam acompanhar os processos do negócio e identificar pontos de mudança e melhorias, em vez de levantar gastos que nem mesmo deveriam ser realizados.
O acúmulo de funções faz com que o rendimento no trabalho diminua. Ao retirar dos gestores a responsabilidade de fazer as análises de telecom, é possível direcionar a atenção ao negócio, ter mais tempo para acompanhar as tendências do setor e garantir que a empresa funcione de forma eficiente.

5. Agilizar o atendimento e soluções

A empresa que realiza a terceirização deve se preocupar principalmente com o nível de qualidade do serviço prestado. Isso pode ser avaliado a partir de uma métrica chamada SLA (Service Level Agreement, ou Acordo de Nível de Serviço), que estabelece os requisitos mínimos que devem ser observados para garantir a confiabilidade da parceria e os resultados almejados com a contração do serviço.
Esses requisitos são definidos em contrato e compreendem, por exemplo, o tempo para o estabelecimento da parceria, KPIs (Key Performance Indicators) que serão utilizados para avaliar o desempenho da equipe contratada, os resultados esperados e a multa pela rescisão contratual.
A Spring Telecom, por exemplo, trabalha com esses SLAs. Isso significa que seus parceiros de negócio podem ficar tranquilos em relação ao tempo que suas demandas levarão para serem resolvidas. Afinal, é estabelecido um tempo máximo para que qualquer solicitação seja atendida, diferentemente do que ocorreria a partir de uma gestão interna, em que algumas dessas rotinas poderiam perder prioridade para outros assuntos.

6. Dispor de suporte em tempo real

Muitas solicitações de suporte podem ser ignoradas se a contratante e a contratada não estabelecem uma parceria de sucesso. As demandas podem ser onerosas, especialmente se forem em horários específicos.
Ao terceirizar a gestão de telecom, sempre que a empresa precisar de uma ajuda com respeito às funcionalidades dos aparelhos, bem como tirar uma dúvida acerca de um requisito de contrato com a operadora de telefonia ou sobre um serviço contratado, a solicitação poderá ser solucionada rapidamente por profissionais especializados.
O atendimento é realizado por meio do telefone ou pela internet, em qualquer horário e com a seriedade necessária, por se tratar de uma demanda de gestão de telecom.

7. Fazer a devolução de valores pagos a mais

Com uma análise mais criteriosa, é possível identificar valores cobrados de forma excedente ou indevida. A empresa terceirizada, além de identificar valores discrepantes, pode realizar imediatamente a contestação do montante junto à operadora.
Esse procedimento garante que os valores indevidos sejam devolvidos o quanto antes, o que evita prejuízos financeiros e permite que a empresa se previna em relação a uma próxima cobrança.

8. Adequar os serviços conforme a necessidade da empresa

Conhecer todos os planos e serviços que as operadoras oferecem é bem difícil. São muitas opções pensadas para as especificidades de cada negócio e, muitas vezes, por conta da pressa, a empresa acaba por contratar a mais conveniente para a demanda daquele momento.
Apesar disso, a escalabilidade é uma característica que também deve fazer parte do setor de telecom. A capacidade de comunicação do negócio deve acompanhar o aumento da produção, para que nenhum gargalo relativo à comunicabilidade com os clientes, desde o primeiro contato até o pós-venda, interfira nos resultados da empresa.
Quando o fornecimento de serviços de telecom não acompanha o crescimento da empresa, os resultados compreendem, principalmente, a cobrança de custos adicionais por tarifas e serviços excedentes.
A Spring Telecom mantém um relacionamento muito próximo com as operadoras e conhece bem o portfólio que cada uma delas oferece. Dessa forma, é possível conciliar as necessidades dos parceiros com o que há de melhor no mercado, para adequar o plano à real demanda do negócio e garantir uma economia considerável nas faturas.

9. Contratar uma terceirizada que fala a sua “língua”

A grande reclamação dos gestores que lidam com contas de telefone e dados é não entenderem o que está sendo cobrado, nem o que contrataram. Não é por falta de interesse, mas porque a informação não foi explicada de forma adequada.
Com uma parceria com a Spring Telecom é possível terceirizar a gestão de telecom da sua empresa, tirar o peso desse controle das costas e garantir uma comunicação realmente clara com todos da equipe: nossos especialistas não utilizam termos técnicos para explicar o serviço; em poucas palavras é possível esclarecer qualquer dúvida.
A comunicação não fica limitada apenas a conversas. Relatórios simples são disponibilizados para serem acompanhados via web e garantem os SLAs especificados em contrato. As informações são apresentadas de maneira visualmente agradável e com dados relevantes.
Terceirizar a gestão de telecom possibilita que a empresa funcione melhor com gestores mais focados em temas prioritários. Ao mesmo tempo, garante que os serviços de telefonia funcionem adequadamente e a um excelente custo.
Para conhecer mais detalhes sobre esse tipo de terceirização, confira as soluções que a Spring Telecom oferece.

WhatsApp (11) 93023-8494